64 mortos por ataques de “drones” norte-americanos em Iémen.

drone
 
Pelo menos 64 pessoas morreram em apenas três dias devido aos ataques de aviões norte-americanos não tripulados nas províncias de Abyan e Bayda, no sul de Iémen.
 
Funcionários governamentais de Iémen afirmaram que as incursões aéreas de 9 a 11 de março na província de Bayda e na cidade de Jaar, na província de Abyan, apontavam contra as posições do grupo terrorista Al-Qaeda.
 
Contudo, a população local desmente as declarações do governo e defende que as víctimas eram civis.
 
As autoridades de segurança iemenitas afirmaram que pelo menos cinco “drones” norte-americanos participaram domingo no último ataque a Jaar, que se cobrou a vida de seis pessoas.
 
Os aviões não pilotados dos EUA realizaram também várias incursões sexta-feira e sábado no sul do país asiático, tendo resultado mortas pelo menos 58 pessoas.
 
O exército dos Estados Unidos, sob pretexto de atacar as posições de grupos terroristas – Taliban e Al-Qaeda–, utiliza aviões não tripulados no Afeganistão, Iraque, Somália, Líbia, Paquistão e Iémen.
 
Contudo, a população civil tem sido o alvo maioritário dos ataques dos “drones” norte-americanos nesses países.
 
Fonte: HispanTV
Tradução: SionismoNet

, ,

Comments are closed.