Com o patrocínio e apoio dos EUA, terroristas em Síria já mataram a mais de 6.000 pessoas.

 

manifestação de apoio ao governo sírio

O embaixador permanente de Síria na Organização das Nações Unidas (ONU), Bashar Jaafari, declarou que os opositores armados dentro do país mataram a 6.143 civis desde o começo dos distúrbios.

Jaafari, numa carta dirigida ao Secretário Geral das Nações Unidas Ban Ki-moon e ao actual presidente do Conselho de Segurança, o britânico Mark Lyall Grant, explicou que os grupos terroristas assassinaram 3.211 civis, entre os quais 204 mulheres e 156 crianças, 478 polícias, 2088 militares e membros das forças de segurança.

O diplomático também pediu aos representantes da ONU, que distribuam essa carta como um documento oficial entre os membros do Conselho.

Síria não tem segurança desde março de 2011, quando grupos armados, patrocinados pelos Estados Unidos e outros países, iniciaram o seu plano desestabilizador com fins golpistas.

Fonte: HispanTV

,

Comments are closed.