O lobby judaico de Washington pressiona Obama para atacar a república do Irão.

Obama Israel aipacSegundo afirma um analista político, o grupo de pressão sionista mais poderoso nos Estados Unidos, o AIPAC, está pressionando cada vez mais o governo de Barack Obama para que empreenda um ataque militar contra Irão.

“É evidente que Israel e seus seguidores neoconservadores aqui nos Estados Unidos estão pressionando cada vez mais o presidente Obama para que ataque o Irão ou deixe Israel atacar”, afirmou M.J. Rosenberg. 

Rosenberg, que foi director de política no Forum de Política de Israel, sugeriu-o num artigo sobre um ataque militar contra as instalações nucleares iranianas. 

O autor afirmou que a principal razão que sustenta a sua afirmação é que “este é um ano de eleições e ninguem diria que não a Benjamin Netanyahu [primeiro-ministro israelita] num ano de eleições”. 

Referia-se às eleições presidenciais de 2012 nos Estados Unidos que se realizaram em novembro. 

Rosenberg também assinalou a próxima reunião do Comité para os Assuntos Públicos de Estados Unidos-Israel (AIPAC). 

“O entusiasmo pela guerra aumentará até atingir um ponto febril em março, quando o AIPAC celebre a sua conferência política anual”, escreveu.

O AIPAC, que tem um influente e inegável papel na política norte-americana, defende políticas pró–israelitas no Congresso e no Executivo de Estados Unidos.

Este grupo incita todos os membros do Congresso a apoiar Israel através da ajuda exterior [norte-americana]. 

Estados Unidos e Israel ameaçaram repetidamente Teerão com a “opção”de um ataque militar baseando-se na acusação de que o programa energético de carácter nuclear do Irão inclui um projecto militar encoberto, algo que Teerão tem negado taxativamente.

 Fonte: Press TV

Tradução: SionismoNet

, , , ,

Comments are closed.