A vingança poderia ser o motivo do massacre de Kandahar.

Soldados dos EUA

O massacre de Kandahar, no qual soldados norte-americanos assassinaram 17 civis afegãos, foi executado como vingança por um ataque contra as forças armadas dos EUA, segundo uma equipe de investigação do Parlamento de Afeganistão.

O chefe do Comité de Verificação da Verdade, Sayed Ishaq Gilani, afirmou que os aldeões coincidem em que referida matança foi executada em resposta a um atentado que destruiu um tanque norte-americano a semana passada.

Anteriormente, os líderes tribais afegãos da província de Kandahar asseguraram na passada segunda-feira que a matança contra os afegãos desarmados teve como objectivo a vingança, uma vez que após a explosão do tanque norte-americano as forças estrangeiras convocaram os líderes tribais da região e prometeram uma represália sangrenta contra os seus filhos e esposas.

Sábado passado, a missão de investigação designada pelo Parlamento afegão para o caso de Kandahar, anunciou que duas mulheres afegãs foram violadas por soldados norte-americanos antes de matá-las.

Em 11 de março, um grupo de soldados norte-americanos, composto por 15 a 20 elementos, disparou contra vários civis afegãos que se encontravam nas suas casa, no distrito de Panjwaii. 17 pessoas perderam a vida no incidente, entre elas 3 mulheres e 9 crianças.

Os meios de comunicação ocidentais alegam que o ataque foi realizado apenas por um soldado norte-americano.

Fonte: HispanTV

 

, ,

Comments are closed.